Como Participar

FADA_SITE

Saiba como doar ao Projeto Fada do Dente

Aceitamos doação de pacientes que já estejam diagnosticados dentro do transtorno do espectro do autismo, síndrome de Rett e DMD. Pacientes sem nenhum diagnóstico de doenças neurológicas e/ou outras também podem doar seu dente para ser usado com controle em nossas pesquisas.

Convém ressaltar que nosso projeto não faz diagnóstico e nem oferece nenhum tipo de tratamento. As células-tronco obtidas serão utilizadas apenas para pesquisa científica, não somos um banco de células-tronco.

Os doadores não terão seus nomes e resultados pessoais divulgados. A divulgação dos resultados obtidos nesta pesquisa será feita por meio de revistas e jornais nacionais e internacionais para que todos tenham acesso.

Quando o dente estiver mole você já deve ficar atento e se preparar para o envio!

Dentes que já caíram, infelizmente não servem, pois, as células-tronco da polpa do dente morrem logo após a queda se não for armazenada e enviada para nós de forma correta.

Para realizar a doação do dentinho do seu filho (a) o dente deve ter caído na hora, estar em ótimas condições (NÃO PODE ter carie), deve estar branquinho, limpo e com bastante polpa (que é aquela carninha dentro do furinho do dente). Se o dente não estiver em ótimas condições, infelizmente não servirá para a pesquisa.

Como coletar, armazenar e enviar o dente?

A coleta pode ser feita no dentista ou pela queda espontânea. Após esse procedimento o dente deve ser colocado imediatamente em água filtrada (se usar o kit caseiro) ou no meio de conservação (se usar o kit Fada do Dente) para não deixar a polpa secar e morrer. Após esse procedimento o dente deverá ser colocado na geladeira até o envio.

Procedimento para doação do dente utilizando o kit caseiro:

Para o envio do dente utilizando o kit caseiro é necessário seguir os seguintes passos:

  1. Obter de um frasco coletor de urina estéril, água mineral ou filtrada, gelo reciclável ou comum e uma caixa pequena de isopor para transporte.
  2. No momento da queda ou extração colocar água mineral ou filtrada gelada no frasco coletor de urina estéril.
  3. Coloque o dente de forma que ele fique totalmente mergulhado na água. Feche firmemente o frasco para que não haja riscos de vazamento. Identifique-o com uma etiqueta, escrevendo o nome completo da criança.

Caso o envio do material seja realizado na hora você deve colocar o pote dentro de um saquinho limpo, e colocar tudo dentro de um isopor pequeno com gelo (o gelo pode ser reciclável, ou gelo comum. Se usar o gelo comum coloque-o dentro de vários sacos plásticos e embrulhe com papel alumínio ou jornal, para manter a temperatura e evitar que o gelo derreta rapidamente). Vede a caixa com fita crepe.

Caso o dente caia a noite, no final de semana ou feriado você deve manter o frasco com dente mergulhado na água na geladeira (nunca coloque o dente no freezer) até o envio e no dia do envio proceder como descrito acima.

Nestes casos você deve enviar o dente no próximo dia útil, já que não receberemos esse dente no final de semana/feriado, pois a Universidade estará fechada e o material ficará preso no correio em condições inadequadas (temperatura ambiente) podendo assim afetar a qualidade do material e na maioria das vezes não sendo possível a obtenção das células-tronco.

Enviar junto com o dente o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido e a ficha de anamnese (que você pode fazer download clicando nesse link). O Termo e ficha de anamnese devem ser lidos com atenção, preenchidos e assinados pelo responsável. Se você tiver dúvidas, entre em contato por e-mail ou telefone das responsáveis. Ainda neste termo, solicitamos que se possível colocar um telefone ou e-mail para contato.

Esses documentos devem ser enviados junto com o dente para que o cadastro seja realizado com sucesso.

Envie o dente e os documentos pessoalmente ou por Sedex. Caso o envio seja feito por SEDEX, dê preferência por Sedex 10, para chegar mais rápido e, assim aumentar as chances de sucesso na obtenção das células. Dependendo de onde você mora podem haver outros métodos mais rápidos para o envio do dente. O importante é que você saiba que, quanto mais rápido o dente chegar no laboratório, mais chances teremos de obter as células vivas. O ideal é em até 48h.

Dados para envio:

Projeto A Fada do Dente
Laboratório de Modelagem de Doenças – ICB II/USP
Departamento de Virologia
Av. Prof. Lineu Prestes, 1374, 2º andar, sala 227 B
Cidade Universitária- São Paulo/SP – CEP: 05508-900

Documentos obrigatórios para o cadastro:
Clique aqui para fazer o download


Procedimento para doação do dente utilizando o kit Fada do Dente:

No momento, o kit fada do dente só poderá ser obtido mediante retirada pessoalmente no laboratório de Modelagem de Doenças no ICB II-USP no Departamento de Virologia situada na Av. Prof. Lineu Prestes, 1374, 2º andar, sala 227 B, Cidade Universitária – São Paulo – SP, CEP: 05508-900.

Assim que obter o kit, guarde o frasco que contém o líquido de cor de rosa na geladeira e o gelo reciclável no freezer. Guarde a caixa de isopor e o termo de consentimento que recebeu em um local livre de umidade e seguro, pois você irá usá-los para reenviar o dente.

Para o envio do dente utilizando o kit Fada do Dente são necessários os seguintes passos:

  1. Quando o dente de leite cair ou for extraído, abra cuidadosamente o frasco contendo o liquido do kit e coloque o dente imediatamente. Coloque o dente de forma que ele fique totalmente mergulhado na solução. Feche firmemente o frasco para que não haja riscos de vazamento. Identifique-o com uma etiqueta, escrevendo o nome completo da criança.
  2. Guarde o frasco com o dente na geladeira (nunca coloque o dente no freezer) e se prepare para enviá-lo o mais rápido possível.
  3. Preencha o termo de consentimento recebido com o kit com as informações necessárias.
  4. Coloque o termo de consentimento, o frasco contendo o dente e o gelo reciclável que estava no freezer na caixa de isopor.
  5. Vede a caixa com fita crepe.
  6. Vá ao correio mais próximo e envie o kit para o laboratório, no endereço que você recebeu junto com o kit. Dependendo de onde você mora podem haver outros métodos mais rápidos para o envio do dente. O importante é que você saiba que, quanto mais rápido o dente chegar no laboratório, mais chances teremos de obter as células vivas. O ideal é em até 48h.

Caso o dente caia a noite ou no final de semana você deve manter o frasco com dente mergulhado na água na geladeira (nunca coloque o dente no freezer) até o envio e no dia do envio proceder como descrito acima.

Caso o dente caia em uma sexta-feira, fim de semana ou feriado você só deve enviá-lo somente na segunda-feira ou no próximo dia útil, já que não receberemos esse dente no final de semana/feriado, pois a Universidade estará fechada e o material ficará preso no correio em condições inadequadas (temperatura ambiente) podendo assim afetar a qualidade do material.

Dados para envio:

Projeto A Fada do Dente
Laboratório de Modelagem de Doenças – ICB II/USP
Departamento de Virologia
Av. Prof. Lineu Prestes, 1374, 2º andar, sala 227 B
Cidade Universitária- São Paulo/SP – CEP: 05508-900

Documentos obrigatórios para o cadastro:
Clique aqui para fazer o download